Considerado maior encontro do segmento, Congresso Internacional de Genética acontece pela primeira vez na América Latina em Foz do Iguaçu. Pesquisador brasileiro Francisco Salzano será o grande homenageado

Esta é a primeira edição do evento na América Latina, trazendo o tema Genética para um Mundo em Evolução

Personalidades da ciência e pesquisadores da genética mundial estarão reunidos em Foz do Iguaçu, de 10 a 14 de setembro, para o XXII Congresso Internacional de Genética. É a primeira edição do evento na América Latina, trazendo o tema Genética para um Mundo em Evolução. O congresso acontecerá junto ao Bourbon Cataratas Convention & SPA Resort. Este ano, as atividades estão sendo organizadas pela Sociedade Brasileira de Genética. As inscrições estão abertas e podem ser realizadas via web. “É um momento especial à ciência como um todo. Além das pesquisas, é fundamental lembrar que a genética faz parte da vida das pessoas e da economia também. Afinal de contas, se faz presente em setores como meio ambiente, agricultura, pecuária, alimentação, saúde e bem-estar”, avalia Márcia Pinheiro Margis, presidente da Sociedade Brasileira de Ciência.

Durante quatro dias, serão proferidas dezenas de conferências, tendo representantes de todos os continentes com sessões de debates que ganham a participação de pesquisadores. Os encontros acontecem nos turnos da manhã e da tarde, abordando assuntos fundamentais como biodiversidade, conservação, ecologia, evolução humana e biologia-cultura.

Os pesquisadores Joanne Chory e Elliot Meyerowitz, do California Institute of Technology (Caltech) foram os vencedores do Prêmio Gruber 2018. A entrega oficial este ano acontecerá durante o Congresso. Ambos os agraciados já confirmaram presença. Este é um dos momentos mais aguardados pela comunidade científica do mundo inteiro. O Prêmio Gruber foi criado pela fundação filantrópica de Peter e Patricia Gruber, baseada na Universidade Yale em New Haven, Connecticut, Estados Unidos. Criada no ano de 2001, a premiação é voltada à área de genética. Ao cientista que mais destaca durante o ano é concedido um prêmio de U$ 500 mil e uma medalha de ouro.

O professor e pesquisador brasileiro Francisco Salzano, que completou 90 anos, 70 deles dedicados à ciência será o grande homenageado do Congresso. “Boa parte das descobertas e pesquisas que serão debatidas no congresso são de inestimável valor, não só à comunidade científica, mas às pessoas, já que muitos temas abordados já são ou poderão tornar-se parte integrante da vida delas. Sinto-me muito honrado em fazer parte desta história e de estar presente neste evento, representando a pesquisa brasileira”, avalia Francisco Salzano.

Entre os debatedores do evento está a presença do pesquisador Marc Van Montagu (Bélgica), que possui inúmeros prêmios acumulados. Professor emérito da Universidade de Ghent, na Bélgica, ele é pioneiro no método de transgenia vegetal e responsável também, pela criação das primeiras plantas resistentes a insetos e tolerantes a herbicidas. Os resultados de sua pesquisa revolucionaram não só a agricultura, mas também a economia mundial.

Outro painelista será a Christiane Nüsslein-Volhard (Alemanha). Entre os destaques de sua pesquisa, a descoberta de genes que controlam o desenvolvimento em animais e seres humanos. Ela ganhou o Prêmio Nobel em 1995, por sua pesquisa sobre o controle genético do desenvolvimento embrionário.

Caroline Dean fez seu PhD na Universidade de York estudando desenvolvimento de cloroplastos. Em 2015, ganhou prêmio Woman in Science e este ano ganhou da UNESCO o título de Women European Laureate. Ele vai abordar o desenvolvimento e pesquisas no segmento do trigo.

Alberto Kornblihtt, Ary Hoffmann, Eske Willerslev, Ethan Bier, Mayana Zatz são algumas das outras presenças igualmente confirmadas no evento.

Premiações a estudantes brasileiros

A SBG oferecerá 10 prêmios para estudantes brasileiros, cobrindo os custos de inscrição no Congresso. Os vencedores serão selecionados com base na relevância dos resumos enviados. Os prêmios serão entregues como um reembolso do valor pago pela inscrição. Dois alunos de cada região geográfica do Brasil (Sul, Sudeste, Norte, Nordeste e Centro-Oeste) serão premiados.

Serviço

Congresso Internacional de Genética 2018 – Genética para um Mundo em Evolução
Data: de 10 a 14 de setembro de 2018
Local: Bourbon Cataratas Convention & SPA Resort, Foz do Iguaçú, PR
Promoção: Sociedade Brasileira de Genética
Mais informações e inscrições aqui.

Tags:

genética, XXII Congresso Internacional de Genética

Compartilhe: