Com a volta dos eventos presenciais, a americana Corning se prepara para a retomada de encontros com clientes. O ponto de partida será durante a Analitica Latina America, ocasião em que disponibilizará seu amplo portfólio e também apresentará seu novo Head Marketing e Business Operations para América Latina, Marcelo Kerhart, que assumiu o cargo em abril

Investindo mais de U$ 1 bilhão todos os anos em pesquisa e parcerias com universidades em todos os continentes, a empresa mantém um centro de desenvolvimento de estudos nos Estados Unidos, o Sullivan Park

O momento de flexibilização da pandemia tem levado as empresas à retomada de atividades até então restritas. Para a Corning, os aprendizados adquiridos nos últimos dois anos resultaram em novidades, como reestruturações em recursos humanos, novos investimentos em marketing e ampliação de atuação na área de life sciences.

De acordo com Marcelo Kerhart, recém-chegado à empresa para liderar a unidade de marketing e negócios em life sciences, a pandemia mostrou que os avanços nessa área só tendem a aumentar, principalmente frente ao maior entendimento sobre o assunto por parte da população em geral. “A partir de agora o mercado estará mais sensível e atento às demandas da população. Queremos estar mais próximos da indústria e do usuário final, mostrando a relevância e a importância das ciências da vida”, pontua.

Na pandemia, a Corning esteve presente no processo de pesquisa, desenvolvimento e produção de vacinas na América Latina. O executivo comenta que hoje a empresa também atua fortemente junto a laboratórios de diagnósticos, indústria farmacêutica, centros de fertilização in vitro e deve ampliar sua cartela de clientes para outras áreas da medicina e da ciência.

Transformação digital em pauta

Entre os desafios de Kerhart está o reposicionamento da Corning que, como uma das líderes em tecnologia e inovação, agora deve aplicar essa expertise também para se relacionar com o mercado, estabelecendo uma linguagem mais acessível às novas gerações e alinhada ao universo digital. “O foco voltado ao conhecimento servirá para mudarmos a percepção de inovação. Vamos mostrar como contribuímos com os avanços na era das ciências biológicas. A Corning tem uma presença de mercado muito grande e um histórico em tecnologia de ponta de 170 anos que precisam ser compartilhados”, declara.

Atuar para difundir a ciência e a pesquisa

Mundialmente, a Corning é reconhecida pela tradição em P&D e por sua estreita relação com as inovações e a ciência. Investindo mais de U$ 1 bilhão todos os anos em pesquisa e parcerias com universidades em todos os continentes, a empresa mantém um centro de desenvolvimento de estudos nos Estados Unidos, o Sullivan Park (saiba mais clicando aqui).

Por lá, pesquisadores e cientistas que tenham projetos inovadores, e não necessariamente que estejam relacionados ao portfólio Corning, podem acessar os materiais e toda a infraestrutura disponível. Com isso, a companhia busca fomentar a inovação e possibilitar aos cientistas o seguimento de suas carreiras e desenvolvimentos.

A Corning na Analitica Latina America

Hoje, a Corning marca presença no mercado por meio de uma holding que também engloba as marcas Axygen, Falcon e PYREX, que estarão presentes na Feira Analitica com seus produtos para cultivo de células e genômica, com diferentes soluções de alto desempenho, além de equipamentos de bancada, meios de cultivo, reagentes e soros diferenciados de alta qualidade para cultivo celular em pesquisa e escala de produção.

Pela primeira vez, apresentará as micropipetas Lambda Elite Touch e Axypet Pro, ambas da marca Corning. Essa linha apresenta um corpo mais leve e ergonômico e contador de quatro dígitos, que garante uma pipetagem mais confortável e precisa. “Vamos retomar o contato ‘one by one’ e mostrar porque a Corning está entre as líderes, apoiando o trabalho de cientistas, promovendo a segurança, escalabilidade e produtividade no laboratório”, ressalta Kerhart.

Visite a Corning na Analitica Latin America: estande A042.

Fazendo da dor uma oportunidade

Com uma carreira construída no marketing e negócios de mais de 17 anos, Marcelo Kerhart sempre atuou em multinacionais, com presença na América Latina. A experiência com empresas líderes de mercado permitiu a construção de uma visão estratégica alinhada à inovação, buscando sempre traduzir as características do produto em propostas de valor ao cliente: “Busco entender a dor dos clientes para oferecer aquilo que é mais interessante para eles”.

Na Corning, Kerhart tem o desafio de trazer uma visão mais atual sobre o digital para construir um legado duradouro. “A ideia é estabelecer um senso de comunidade junto a esse mercado, sendo um agente de promoção de discussões sobre ciência”, vislumbra.

Tags:

Corning, life sciences

Compartilhe: