Segundo a Dasa, a operação está alinhada com a estratégia de expansão das operações de diagnósticos

A rede de medicina diagnóstica Dasa divulgou fato relevante sobre a compra do laboratório mineiro Geraldo Lustosa.

O contrato firmado tem por objeto a aquisição das quotas do Lustosa pela empresa, que passará, após a conclusão das negociações e o fechamento da operação, a ser detentora de 100% das quotas representativas do capital social do Lustosa.

O valor da operação não foi divulgado pelas empresas, mas a aquisição será parcelada ao longo de três anos e a sua conclusão está sujeita a apreciação pelo CADE e pelos acionistas da Dasa.

Segundo a Dasa, a operação está alinhada com a estratégia de expansão das operações de diagnósticos, bem como representa um marco importante no fortalecimento da sua presença e de sua liderança na região metropolitana de Belo Horizonte, o terceiro maior mercado do Brasil.

O Lustosa foi fundado em 1958 pelo médico patologista clínico Dr. Geraldo Lustosa Cabral na cidade de Belo Horizonte. Atualmente possui uma marca relevante, com 26 unidades na região metropolitana da cidade de Belo Horizonte.

O laboratório atende cerca de 195 convênios e a receita bruta apurada no exercício de 2021 foi de R$ 49,6 milhões.

Tags:

Dasa, Geraldo Lustosa

Compartilhe: