Os kits GenElute-E Single Spin reduzem o tempo do workflow tradicional, com coluna de sílica de 45 para 3 minutos, além de fornecerem uma alternativa mais sustentável do que as opções já existentes no mercado

O produto possibilita, em média, 55% de redução de resíduos plásticos por meio da tecnologia de cromatografia negativa

A Merck, empresa líder em ciência e tecnologia, por meio de sua divisão de Life Science, acaba de lançar uma solução que irá melhorar a produtividade em laboratório, por meio de um processo de purificação de ácido nucleico mais flexível e simplificado, com os kits GenElute– E Single Spin.

“O objetivo é simplificar o trabalho dos pesquisadores com processos longos e manuais e evitar os resíduos líquidos perigosos, principalmente neste momento, em que muitos não podem estar no laboratório com a frequência que gostariam, afirma Klaus-Reinhard Bischoff, head de Research Solutions Global, em Life Science, da Merck. “Estamos orgulhosos por poder oferecer uma tecnologia exclusiva que poupa o tempo e, ainda, é mais sustentável do que as opções à base de sílica”.

Os novos kits permitem a purificação do ácido nucleico sem a necessidade de ligação e as múltiplas etapas de lavagem, separando as moléculas na amostra por tamanho e utilizando a tecnologia de cromatografia negativa. Dessa forma, o tempo de trabalho manual pode ser reduzido de 45 minutos (em média) para três minutos – em comparação com os kits à base de sílica.

O workflow com a tecnologia GenElute™- E Single Spin também possibilita a redução de resíduos plásticos em torno de 55%

Os kits de aplicação específica com enzimas SmartLyse possibilitam a lise celular de 10 a 40 minutos, eliminando a necessidade de processamento durante a noite – normalmente requerido para algumas amostras –, e reduzindo a etapa de lise e purificação do ácido nucleico para menos de uma hora.

A purificação dos ácidos nucleicos – ou purificação do DNA genômico – é um passo essencial na busca por respostas científicas a muitas questões relacionadas à saúde. É utilizada na detecção e monitoramento de vírus, na pesquisa e desenvolvimento de terapias e nos testes com resíduos de água, e utilizado também antes de aplicações downstream – como o Sequenciamento de Nova Geração (Next Generation Sequencing – NGS).

O workflow com a tecnologia GenElute– E Single Spin da Merck também possibilita a redução de resíduos plásticos em torno de 55%, em comparação com os métodos tradicionais, fornecendo uma alternativa mais sustentável e reduzindo os custos de eliminação de resíduos de laboratório.

Tags:

kits GenElute™- E Single Spin, Merck, purificação de ácido nucleico

Compartilhe: