Com os testes rápidos da empresa, 600 pessoas entre profissionais e visitantes já foram testadas para evitar eventuais contaminações do coronavírus

O teste é adequado para lugares que exigem uma infraestrutura mais simples porque não necessita de nenhum equipamento para fazer a leitura, ideal para esse momento de retomada dos eventos

Inauguração do Museu da Língua Portuguesa e agora da 34ª Bienal de São Paulo – Faz escuro mas eu canto, ambos em São Paulo, são eventos culturais que tiveram o teste rápido Clinitest COVID19 Rapid Test para auxiliar na testagem prévia de profissionais que trabalham nos locais e visitantes. Foram realizados mais de 600 testes feitos de forma prática e menos desconfortável.

O Clinitest COVID19 Rapid Test é indicado para pessoas com ou sem sintomas, mas teve contato com alguém que descobriu, posteriormente, que estava com a Covid-19. Ele pode ser usado em até 10 dias após a manifestação dos sintomas e tem demonstrado também maior sensibilidade para coleta nasal do mercado com 97.8%, o que comprova sua segurança no resultado. Detecta, inclusive, as variantes do vírus e o resultado aparece a partir de dois minutos após a coleta.

Esse teste também é adequado para lugares que exigem uma infraestrutura mais simples porque não necessita de nenhum equipamento para fazer a leitura, ideal para esse momento de retomada dos eventos. A coleta nasal ou nasofaríngea é feita utilizando o kit completo que vem no próprio produto e está disponível para a venda em todo país para farmácias, empresas, escolas, laboratórios e hospitais.

Tags:

eventos culturais, teste rápido Clinitest COVID19 Rapid Test

Compartilhe: