Novo Sistema MALDI-TOF da Bruker e MicroScan WalkAway plus da Beckman Coulter proporcionam um fluxo de trabalho simplificado, melhorando o desempenho de identificação de microrganismos e de testes de susceptibilidade a antimicrobianos

O DB está sempre buscando o que há de melhor no mercado laboratorial para oferecer aos seus clientes

Transformações na área diagnóstica são muito comuns, sejam em novas metodologias ou no quesito tecnologia, o DB está sempre buscando o que há de melhor no mercado laboratorial para oferecer aos seus clientes.

Por isso, mais um investimento no setor de microbiologia foi feito no início do mês de janeiro, com a aquisição de mais dois analisadores Walk Away-96 (WA-96) e dois espectrômetros de massa MALDI-TOF. A espectrometria de massa está sendo considerada uma ferramenta revolucionária na Microbiologia, uma vez que permite a identificação de bactérias e fungos em poucos minutos e com maior precisão que os sistemas automatizados até então utilizados.

Com isso o diagnóstico é agilizado e o tratamento pode ser direcionado de maneira mais adequada e oportuna. Por outro lado, o WA-96, um sistema de alta tecnologia, detecta a resistência emergente nos mais relevantes patógenos, incluindo CRE, carbapenemases produzidas por não fermandores de glicose, VISA, VRSA e MRSA com alta acuracidade.

Outra vantagem do sistema WA-96 é que ele detecta a Concentração Inibitória Mínima (CIM ou MIC) verdadeira, portanto apresenta uma maior segurança para determinar se um microrganismo é sensível ou resistente a um determinado antimicrobiano.

Com a ampliação do número de equipamentos, os setores de microbiologia do DB passam a contar no total com dois analisadores MALDI-TOF Bruker, 11 analisadores automatizados WA-96 e um analisador semiautomatizado AS-4, proporcionando aos seus clientes automação inteligente com máxima eficiência.

Tags:

Beckman Coulter, DB, microbiologia

Compartilhe: