Grupo reúne cientistas da USP e da Unifesp. Candidatos devem ter doutorado completo e conhecimentos nas áreas de biologia molecular, biologia celular, bioquímica e imunologia. Inscrições até 5 de fevereiro

Grupo de pesquisa do Instituto do Coração (Incor), ligado ao Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FM-USP), dispõe de uma vaga de pesquisador para o projeto “Desenvolvimento de vacina para SARS-CoV-2 utilizando VLPs”, aprovada pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) no âmbito da “Encomenda Transversal – Covid-19: Vacinas Virus-like Particles”.

A pesquisa é liderada pelo professor Jorge Kalil, da FM-USP, em colaboração com pesquisadores do Instituto de Ciências Biomédicas (ICB-USP) e do Departamento de Micro, Imuno e Parasitologia da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

O grupo trabalha no desenvolvimento de uma vacina totalmente brasileira para a Covid-19. Para tanto, os pesquisadores estão empregando diferentes metodologias para avaliar as respostas imunes celular e humoral contra o SARS-CoV-2 em pacientes que tiveram doença leve.

O selecionado ganhará uma bolsa da Fundação Zerbini, com valor a ser divulgado, e auxiliará na produção do antígeno que será utilizado na vacina desenvolvida.

O candidato deve ser bem experiente na área de produção de proteínas em células eucariotas. Além disso, os interessados devem ter doutorado completo e conhecimentos nas áreas de biologia molecular, biologia celular, bioquímica e imunologia. Um requisito fundamental é ter experiência com transfecção celular transitória e/ou permanente em células de mamífero, purificação e caracterização de proteínas recombinantes.

Domínio de técnicas básicas como preparação de soluções, transformação bacteriana, produção de plasmídeos em larga escala, análise de restrição, SDS-PAGE, western blot, cultura de células, expressão de proteínas recombinantes, cromatografia de afinidade/exclusão e ELISA também é importante.

Os interessados devem enviar, até 5 de fevereiro de 2021, o currículo, uma carta de intenção e o e-mail de contato do ex-orientador do doutorado para a professora Silvia Beatriz Boscardin, do ICB-USP, no e-mail [email protected].

O projeto será desenvolvido no Laboratório de Imunologia do Incor.

Compartilhe: